Jacumã, Carapibus, Tabatinga e Coqueirinho

25 de janeiro de 2013


Voltando a contar sobre minha viagem a Paraíba, hoje vamos sair de João pessoa e navegar um pouco belas belas paisagens das praias do município do Conde, região metropolitana de João Pessoa, litoral sul da Paraíba. O município de Conde é bem interiorano. As pessoas são bem simples e tudo é bem rústico. E as melhores praias da Paraíba provavelmente estão lá. 

Tambaba, a famosa praia de naturismo (que eu não fui) é um dos pontos mais procurados, seguido da Praia de Coquerinho. Acabamos não conseguindo ir em nenhuma das duas, mas ficamos em Jacumã, Bela e Tabatinga. Tentamos ir para Coqueirinho pelo mar, mas quase morremos (uma longa história que conto abaixo). 


Chegamos em Jacumã e já vimos aquela paisagem maravilhosa. É uma praia deliciosa, mas também cheia de algas. A Paulinha disse que é da época e eu acredito que seja mesmo.



os sorvetes que vendem na praia, ditos caseiros, são horríveis. 


Curtimos a praia e resolvemos ir andando até coqueirinho. É mais ou menos assim, as 3 praias (Jacumã, Carapibus e Tabatinga) são uma do lado da outra na mesma enseada e no fim, depois de uns rochedos, tem coqueirinho. Todos os moradores nos disseram que dava pra chegar andando pelo mar, então resolvemos encarar a aventura...

a praia de coqueirinho é aquela lá no fundo da imagem


Fomos andando e encontramos belos pontos para fotografar. Dava pra ir andando numa boa pela areia, até bem próximo de Coqueirinho. Nosso desespero começou quando a parte de rochedos chegou. Não tinha jeito, ou era pelo mar, ou pela rochas. Pelas rochas era a maior insanidade, mas como estávamos com câmera e eu morro de pavor das algas no meu pé (me lembram mato e consecutivamente lagartas) fomos pelas rochas. 

No começo foi de boa, mas de repente o mar batia muito forte e a gente escorregava. Tínhamos que ir descalço e as rochas eras pontudas e saiam bichos dela, começamos a ficar aflitos. Eu já tava com medo antes de começar e bem traumatizada com o mar revoltoso e cheio de alga que encontrei por lá, então o medo só cresceu. Em determinado ponto, vimos que não conseguíramos  que teríamos que atravessar nadando e como não dava, decidimos voltar.

O pior momento foi esse. Não nos demos conta, mas a maré subiu e a parte que tínhamos vindo pela areia não existia mais, era tudo rocha. Encurtando a história, tivemos que voltar o dobro do caminho pelas pedras na maior aflição e medo de morrer. Não havia pessoas na praia e as poucas que passavam (eram moradores) e só ficavam nos olhando com cara de "o que eles tão fazendo?"... Depois de escorregões e alguns machucados eu comecei a cantar para o mar. Isso me acalmou tanto que foi minha salvação, conseguimos chegar vivos em Tabatinga. 


Também ao chegar na areia eu pulei, gritei e quase dei estrelinha. ehehehe Vocês não tem noção de como foi tenso. os moradores que passavam nadando pelo mar não tinham como ajudar, porque estávamos nas rochas e o mar batia muito forte nelas. Se alguém se aproximasse, morria. Mas no fim deu todo certo e fechamos a cota de aventuras, fomos nadar em um lago delicioso se eu não me engano na praia de Tabatinga. Não decoramos muitos os nomes, mas pelo que vi na net era essa.

Esse lago era incrível, porque de repente a água do mar se tocava com água doce, uma coisa linda de se ver. Só não chegava a ser tão belo quanto a praia Bela. ehehehe


Depois de tanto sofrimento e curtição ficamos com fome e fomos comer um belo peixe no quiosque do turista. ahahahaha Apesar de ser bem salgado o preço, acabamos curtindo, comendo, bebendo e apreciando uma bela paisagem.



Nunca tinha comido um peixe assado dessa forma, foi muito bom. Além do mais, experimentamos ensopados de camarão e caranguejo. Odiei caranguejo! 

Enfim, acabamos voltando para João pessoa e fotografamos um pouco do caminho, pelo município do Conde. 




fotos tiradas de dentro do bus, por isso estão meio desfocadas.

Ainda falta contar da nossa passada pelo litoral norte e pela UFPA. :)









  1. Jesus, que aflição você contando das rochas e dos bichinhos saindo dela. Aimeudeus! Que aventura! rs
    De qualquer forma, os lugares são lindos <3

    ResponderExcluir
  2. Quanto sofrimento kkkk
    mas no final td ocorreu bem; isso que importa!

    ResponderExcluir
  3. Nossa, adorei, adorei!
    Amei o post, amei as fotos!
    Pode chamar de ignorância -kk- mas não sabia que lá era tão lindo!
    Adorei!
    Parabéns pelo ótimo post e lindo blog!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. valeu. é lindo demais viu? vale a visita!

      Excluir
  4. Mar azulzinho e sol! Não tem coisa melhor né?!
    Acho que esse treco de alga é mal de mar azul. Para onde eu fui também tinha isso e dava muita aflição.
    Ótimas fotos, Jess!

    ResponderExcluir
  5. Nossa, que mar LINDO. Me impressionou.
    Fiquei com vontade de nadar ali... sinto falta dessa cor de mar que tinha lá em Porto Seguro na Bahia onde eu morei. Aqui em Niterói o mar é escuro, da Bahia de Guanabara!

    Beijos.
    http://maetosemroupa.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Porto Seguro nunca fui, mas deve ser lindo!

      Excluir
  6. Quase morri de agonia lendo a descricao da travessia de vcs! x_X
    Eu ja teria gritado ate ficar rouca pro povo que tava vendo me ajudar! kkkkk
    Tb odeio coisas grudando ou passando nos meus pes/pernas! *tenso*

    Gracas a Deus deu tdo bem!
    E que praias maravilhosas Jess! que mar lindo, que paisagens! ;]
    Pelo menos o susto serviu pra previnir neh? nao se arriscar qdo nao conhecer o lugar.. rs

    Aguardo pelas proximas fotos ;]
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ^^ ehehe não gritei, pq é pior se desesperar. cantei X)

      Excluir
  7. ai que inveja, to a um tempão querendo ir a praia e to só na vontade enquanto todo mundo vai T_T!
    menina, capaz que eu entraria no mar se tivesse agitado, eu seria era levada fácil, fácil... #medo hahaha

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. eu tava um ano e meio sem visitar a praia! :/

      Excluir

♥♥♥♥ATENÇÃO ♥♥♥♥

Caso queira receber sua resposta por e-mail, selecione a opção "notifique-me" no canto inferior direito do campo de comentários ;)



Oi, sou Jess! Vivo em São Paulo, Brasil onde trabalho como designer. Adoro tudo que envolve criação. Criei o blog em uma tentativa de extrair do caos da grande metrópole o criativo. Hoje o blog tem um pouco mais que isso, como registros dos meus dias, sensações, reflexões e coisas que me inspiram! Sinta-se a vontade para ler, comentar, compartilhar e interagir :)







Pin It button on image hover