Considerações de natal

26 de dezembro de 2013


Dia 26... um dia depois de toda comilança e festividade onde todos decidem enfim, dar uma de filósofos ou críticos da sociedade para falar de consumo, dos verdadeiros valores natalinos e pra dizer que Jesus não é nada do que o natal prega. Sinceramente? Estou é bem cansada desse blá blá blá natalino. 

O natal realmente não tem muito a ver com Jesus. Pra começar, ele não nasceu nesse dia, é tudo uma sucessão de invenções culturais agregadas as festividades de diversos povos que já viveram nesse planeta. Simplesmente isso, goste você, ou não. Os cristãos verdadeiros tem todo direito de comemorar da sua forma com os seus valores, assim como os ateus, os praticantes de outra religião e etc. Cada um na sua. Existe uma diferença brutal entre fazer uma crítica social e ser um chato de galocha. O problema é que ultimamente, as pessoas não estão diferenciando muito isso.

Eu vejo aspectos muito negativos no natal, mas há outros tantos positivos que prefiro quase sempre me ater a eles. Eu acho muito hipocrisia de quem fica criticando a ceia farta, os presentes, a decoração as custas de uma sociedade desigual, quando na maior parte do ano, as mesmas pessoas não fazem nada pra mudar essa realidade. Quer dizer, no natal vale criticar o consumo, mas o que de fato, nós temos feito pra mudar essa situação? é muita "reflexão natalina" pra pouca atitude na vida, então por favor, me deixa comemorar em paz. Sua crítica não vale minha alegria.

Enfim... Eu comemorei o dia 25 como todos os anos, com alegria, com as pessoas que eu amo, comendo coisas deliciosas. Nada exagerado, mas gostoso toda vida. Porque a vida as vezes exige que a gente pare de ser tão negativista e se renda a sentimentos bons de união e alegria. E isso não quer dizer que está tudo certo, pelo contrário, tem gente sofrendo, tem gente com fome, tem gente morrendo... Mas se você quer reverter essa situação, pare de ficar apenas criticando as coisas e comece a agir na sociedade, porque é isso que muda as coisas. E digo mais, não pela caridade e com "boas ações", mas pela justiça e por solidariedade, que é a verdadeira lição que o menino Jesus deixou a nós. "Ame ao próximo como a ti mesmo"... Como a nós mesmos. Nunca se esqueça disso.

De resto, espero que o natal de vocês tenha sido gostoso e se caso não foi, espero que tão logo possamos reverter essa situação.

gosto de usar vermelho no natal, e não estou nem ai para as recomendações da VOGUE


♥ passamos nos meus pais e de última hora, minha mãe resolveu montar a árvore! hehe
o bolo que eu fiz como todo carinho 




eu abrindo meus presentes em casa com o bru ♥♥





adeus natal!
e é isso minha gente. Espero voltar aqui antes da virada, pra fazer a retrospectiva desse ano lindo que foi 2013. Até lá, um beijo no coração 









  1. sua sinceridade é linda! eu comemoro mesmo, apesar de que esse ano não celebrei :/ mas seu natal com certeza foi lindo e que 2014 seja muito mais mágico! <3

    ResponderExcluir
  2. Poucas pessoas conhecem essa versão da história. Imagino que descobrir que natal é um conjunto de tradições alimentadas ao longo dos anos não é nada fácil para quem segue categoricamente o cristianismo.
    O que gosto do natal é exatamente a comida especial e a decoração.
    E que 2014 traga mais esclarecimentos desse tipo para as pessoas, elas andam precisando! :)
    Beijos!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. é verdade! mas no fundo é isso né? Por isso defendo que cada um comemore como quiser.

      Excluir
  3. " é muita "reflexão natalina" pra pouca atitude na vida," Toma aqui o meu abraço. \o/ Pois eu comemoro mesmo, apesar de ter feito greve nos últimos anos, esse ano eu voltei com tudo. Gasto com presentes, gasto com comidas e o que mais tiver vontade, afinal, dei duro durante todo ano para ter esse prazer no finalzinho dele. Geralmente quem muito filosofa sobre o Natal, é o tipo que nada faz durante o ano todinho.
    Fico feliz em saber que você curtiu e deu tudo certo (sou traumatizada com barracos em festas). Que o bom velhinho traga um 2014 repleto de realizações, lições, maturidade, amor, festas, farras, comidas, dinheiro, amigos, amor de novo (nunca é demais), saúde, paz de tudo que é tipo e, por fim, muitos sorrisos. Infinitos. Sorriso no rosto é sempre a porta aberta para a tal felicidade. ;)

    Beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. hehehehe essa frase ficou mesmo legal!

      você está certa. Lutar por uma situação melhor a nível de sociedade não significa ter que se abster de pequenos prazeres como festas de fim de ano, pelo contrário, não lutamos pra isso? Pra que haja mais festa e alegria?

      acho que temos é que nunca nos esquecer da realidade cruel e ser uma constante na nossa vida a preocupação com isso :)

      Excluir
  4. Para mim natal é simplesmente estar feliz ao lado das pessoas que amamos :D eu não dou a minima pra religião e economia (Natal não é presentes e sim amor).

    Abraços e um ótimo 2014 pra ti <3
    Desconstruindo Amélias

    ResponderExcluir

♥♥♥♥ATENÇÃO ♥♥♥♥

Caso queira receber sua resposta por e-mail, selecione a opção "notifique-me" no canto inferior direito do campo de comentários ;)



Oi, sou Jess! Vivo em São Paulo, Brasil onde trabalho como designer. Adoro tudo que envolve criação. Criei o blog em uma tentativa de extrair do caos da grande metrópole o criativo. Hoje o blog tem um pouco mais que isso, como registros dos meus dias, sensações, reflexões e coisas que me inspiram! Sinta-se a vontade para ler, comentar, compartilhar e interagir :)







Pin It button on image hover